quarta-feira, 9 de julho de 2008

Bolo de Bolacha

Apesar de eu ser imensamente gulosa, fui casar com alguém, que fora alguns, poucos, doces seleccionados, não gosta simplesmente de coisas doces. O mesmo se passa com o meu pai que foge do açúcar a sete pés. Mas fico deveras pasmada quando o doce favorito de ambos é o mesmo!! Coincidência? Há quem diga que coincidências não existem... Fico a pensar que é um excelente doce para pessoas gulosas e para as não gulosas também. Já fiz este há uns tempos. Infelizmente não tenho fotos de fatias pois não consegui que sobrasse para isso!!!Iremos de precisar de:
  • bolacha Maria (1 ou 2 pacotes)
  • 250 gr. manteiga tipo Vaqueiro
  • 200 gr. de açúcar em pó
  • café bem forte e adoçado
  • raspas de chocolate para decorar

Faço sempre primeiro o café que enquanto quente derrete bem o açúcar. Deve de ficar bem docinho. A manteiga deve de estar à temperatura ambiente para se poder bater bem com a batedeira junto com o açúcar em pó. Não costumo deitá-lo todo de uma vez pois fico sempre com receio de ser açúcar a mais, mas é a quantidade que acabo sempre por utilizar. Ao creme, e para ajudar a bater melhor, adiciono sempre algumas colheres de sopa do café adocicado. Corta um pouco ao sabor enjoativo da manteiga também. Adiciono o café (apenas algumas colheres) aos poucos e4 vou batendo sempre pois se este estiver bem quente acaba por derreter a manteiga e não é o que se pretende. Depois é só montar o bolo.

Num prato que depois vai à mesa, barra-se o fundo com um pouco de creme, dispõem-se uma bolacha no centro e seis à volta, bem juntinhas, já bem embebidas do café adocicado, e volta-se a pôr mais uma camada de creme, mais uma de bolachas, até acharmos que apenas temos creme para barrar tudo e alisar (como o da foto). As bolachas gosto delas bem molinhas do café, mas quanto mais moles, mais trabalho a espalhar o creme direito e lisinho. Paciência: vale a pena!

Para decorar faço sempre uns riscos com um garfo e costumo pôr umas amêndoas a compor, mas como não as tinha foi mesmo com chocolate que ralei na hora.

Depois de feito vai para o frigorífico e sabe ainda melhor quando bem fresquinho.

É um excelente doce de sobremesa..., e não só! Fica excelente a acompanhar... um café, pois claro está!

1 comentário:

Malhinhas disse...

Pura Maldade!!!